Corrida em Palavras

Eu posso acelerar tudo, posso acelerar o vento.

Posso passar de você ou ir contra todos, o lado e a distância eu escolho. Não escuto os outros, apenas uma canção que serve de trilha para cada passo que dou. Sinto o suor escorrendo no meu rosto que fica tão refrescante ao vento.

Posso correr e parar só quando cansar. Irei tentar superar a dor e se eu não conseguir talvez pare. Parar é difícil, as  vezes inevitável, mesmo assim não baixarei a cabeça, mas se eu continuar e acelerar e me esforçar, assim consigo chegar.

Posso ver outros lá na frente e sentir a sensação de passar a linha de chegada, de ver rostos desconhecidos olhando pra mim e de finalmente parar. Não por cansaço, mas porque é o fim. Pelo menos desta vez.

Então terei em minhas mãos uma medalha. Pode não ser dos primeiros, mas  é minha e me motivará cada vez mais a voltar a correr.

Autora: Raquele Vieira

  1. boa tarde, gostaria de saber o contato ,email, do resposavel da noonrunner

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: